Sábado, 26 de Abril de 2008

A visita do professor Galopim de Carvalho

 

Na terça-feira, dia 22 de Abril, o professor Galopim de Carvalho veio à nossa sala explicar-nos porque é que as pegadas de dinossauro não se viam e mostrou-nos um CD.

Primeiro fizemos algumas perguntas e ele disse-nos que as pegadas estão tapadas porque as pessoas  andavam de mota e iam para lá fazer outras coisas e pisavam-nas.

Enquanto os governos não decidirem fazer um museu, elas vão estar tapadas para estarem protegidas.

Depois o professor Galopim mostrou-nos um CD com imagens das pegadas que foram encontradas na jazida. O CD tinha uma imagem de uma pegada de um dinossauro bípede, ou seja, um dinossauro que andava com duas patas e tinha outra de um dinossauro quadrúpede, ou seja, que andava com as quatro patas.

Ele disse-nos também que a jazida não foi destruida quando  se construiu a CREL porque muitos alunos de várias escolas se manifestaram contra isso. Vimos fotografias antigas dessas manifestações de alunos com cartazes a dizer: "salvem as pegadas".

O professor Galopim também nos disse que já existe um plano para a construção do museu. Só que ainda não foi construido. 

Viu as pedras que nós tínhamos trazido e explicou-nos a diferença entre as que eram fósseis e as que não eram.

No final da visita, ele mostrou-nos um dinossauro - robô que abria a boca, mexia os olhos, as mãos e a cabeça.

Gostámos muito desta visita. O professor Galopim de Carvalho é o patrono do nosso agrupamento. É muito simpático e explica as coisas muito bem.

Agora nós vamos escrever cartas para a Câmara Municipal de Sintra e para o Ministério do Ambiente a dizer que achamos mal que o museu não seja construido para que toda a gente possa ver as pegadas.

Bruno e João Gonçalo

 

Podem ver um pequeno filme em http//www.turmadapiedade.blogspot.com

publicado por turmadapiedade às 11:24
| comentar | favorito
Segunda-feira, 21 de Abril de 2008

A nossa visita à ARPIPAN

No dia 10 de Abril, fomos à Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos Padre Alberto Neto (ARPIPAN) que fica perto da nossa escola.

Quem nos recebeu foi a D. Maria dos Anjos e outras senhoras que fazem parte da Associação.

Quando entrámos, vimos um bar do lado direito e no lado esquerdo havia um espaço com sofás, televisão e alguns trabalhos de pintura para vender. À frente havia um palco com cortinas vermelhas.

A D. Maria dos Anjos contou-nos que, antigamente, no bairro da Serra da Silveira só havia três casas e, como não havia água canalizada, as pessoas iam lavar a roupa no rio de Carenque.

Não havia electricidade nas casas nem nas ruas e as estradas não eram alcatroadas.

O grupo responsavel pela entrevista fez algumas perguntas e ficámos a saber que na Associação há ginástica, grupo coral, pintura, teatro e sessões de cinema ao sábado.

Depois cantámos a cancão "O Rei Artur" e as senhoras cantaram as canções "Rosinha" e "Papagaio de Pena Amarela".

No fim da visita, despedimo-nos e agradecemos por nos terem recebido tão bem.

Ofereceram-nos rebuçados e voltámos para a escola.

Gostámos muito desta visita porque ficámos a saber mais coisas sobre o nosso bairro.

   

publicado por turmadapiedade às 20:13
| comentar | favorito
Domingo, 20 de Abril de 2008

Um novo espaço

Temos um novo espaço para mostrar o nosso trabalho: www.turmadapiedade.blogspot.com

Também partilhamos trabalhos com  www.avlturmab.blogspot.com

Sempre que quiserem, visitem-nos.

Um abraço para todos os que nos têm visitado e comentado!

A turma do 2º ano

 

publicado por turmadapiedade às 19:47
| comentar | favorito

A neve e as botas

Era uma vez umas botas que pertenciam a um dono chamado Roberto.

O Roberto queria que chovesse muito para destruir o castelo do rei.

Um dia caíu um nevão tão grande que até faltou a luz e o Roberto aproveitou para fazer um buraco e meteu-se lá dentro.

Foi parar a um cofre com muitas jóias e começou a tirá-las.

Depois foi vendê-las para ter dinheiro para construir uma casa nova.

As botas começaram a ter frio e sairam das pernas do Roberto.

Ele pensou que era um castigo por ter roubado as jóias do rei.

Então ele desistiu da ideia de destruir o castelo e também nunca mais roubou nada.

César Alexandre

 

publicado por turmadapiedade às 19:21
| comentar | favorito

A pantera e os amigos

Era uma vez uma pantera que vivia numa floresta.

 Num dia de sol a pantera acordou mal disposta e quis comer todos os animais de

uma só dentada. Ela queria comer o

pássaro e ele disse assim:

- Ó pantera nós somos muito pequeninos para a tua barriga.

A pantera disse:

- Também acho!

Decidiu ir à procura de um pedaço de carne e encontrou-o. Apanhou a carne com a boca mas caiu numa armadilha.

A armadilha era em cima de uma árvore e foram os amigos que apanharam muita carne para a pantera ficar contente e ficaram todos contentes.

 

João Gonçalo

2008-03-11

publicado por turmadapiedade às 16:04
| comentar | favorito

A pantera negra e a lua branca

Há muito, muito tempo atrás, havia uma pantera que todas as noites, à meia noite, ia ver a sua amiga lua.

Um dia quando a pantera foi, a lua não estava lá no céu e então a pantera foi procurá-la. Passadas algumas horas, e sem sinal da lua, ouviu uns gritos de socorro e disse:

- É a lua!

A lua tinha sido apanhada por uns astronautas.

A pantera foi lá, mordeu os astronautas todos e salvou-a.

                                       Bruno

 

publicado por turmadapiedade às 15:58
| comentar | favorito

O gato Jeremias

Era uma vez um gato chamado Jeremias.Um dia o Jeremias disse:

- Quero ir à lua!

Jeremias não sabia onde era a lua então foi perguntar ao seu amigo Astro e ele disse-lhe que era no espaço.

Jeremias perguntou:

- Como é que eu vou lá?

- Encontra um foguetão! – disse a Astro.

Jeremias encontrou um foguetão e foi para a lua.

Quando chegou viu que a lua era tão grande que decidiu explorar e encontrou uma pedra que guardou consigo para os seus amigos acreditarem que ele esteve lá.

Quando regressou os seus amigos não podiam acreditar que ele tinha lá estado . Desde então o Jeremias ficou famoso.

Mariana

publicado por turmadapiedade às 15:54
| comentar | favorito
Sábado, 19 de Abril de 2008

A princesa e o príncipe

O André Filipe está muito feliz porque conseguiu escrever esta história sozinho...

Fez um livrinho muito bonito.

Parabéns André! Queremos ler mais histórias tuas!

  

Era uma vez uma princesa que vivia          Um dia a princesa foi passear ao seu

 num castelo.                                          jardim e encontrou um príncipe.

    

A princesa ficou apaixonada pelo             Um dia, o príncipe foi ao castelo

 príncipe e ele também gostou dela           dizer à princesa que gostava dela.

        

Quando chegou ao castelo o príncipe          A princesa aceitou.

pediu a princesa em namoro.                      Depois casaram e viveram felizes.

André Filipe

publicado por turmadapiedade às 17:14
| comentar | favorito
Sexta-feira, 18 de Abril de 2008

Onde estão as pegadas?!!!

Na quinta-feira, fomos ao campo tentar encontrar fósseis, animais e as pegadas de dinossauro.

No caminho para a pedreira de Carenque, que fica perto da nossa escola, vimos flores e abelhas.

A Vanda guiou-nos até ao local onde deveriam estar as pegadas da jazida que foi descoberta em 1997.

Quando chegámos lá, sentámo-nos no chão para ouvir a Mª João. Ela disse-nos que  agora as pegadas estavam tapadas para ficarem protegidas. Por isso, elas não podiam ser vistas.

Eu fiquei com muita pena porque acho mal que não façam um museu de maneira a que as pessoas possam ver as pegadas.

Começámos a recolha do material. A Joana deu um saco a cada grupo para guardar as coisas que encontrássemos.

Depois tivemos que voltar para a escola porque era quase hora de almoço.

Alguns meninos apanharam flores no regresso.

Quando chegámos à escola, a professora mostrou-nos uma fotografia de uma das pegadas, que tirou da net.

Quando é que poderemos vê-las ao vivo?

Isso é que eu gostava de saber!

Bruno

 

 

 

  

 

publicado por turmadapiedade às 20:18
| comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 16 de Abril de 2008

Os nossos bichos da seda

A Vanda, auxiliar da nossa escola, trouxe-nos bichinhos da seda.

Mostrou-nos uma caixa com ovos, outra com bichos pequenos e uma com bichos maiores.

Na nossa sala ficou uma caixa com alguns para podermos acompanhar as suas transformações.

Todos os dias, o responsável por essa tarefa troca as folhas de amoreira que são o seu alimento.

Eles já cresceram muito e agora já estão a fazer casulos que são amarelos.

Quando estiverem todos os casulos feitos, a Vanda vai mostrar-nos como se tira a seda.

 

 

publicado por turmadapiedade às 20:15
| comentar | favorito

Projecto "Vamos descobrir o bairro"

No dia sete de Abril, fomos visitar a Associação de Proprietários e Moradores da Serra da Silveira.

Fomos a pé e quando chegámos o senhor Manuel recebeu-nos.

Entrámos, sentámo-nos no chão e o senhor Manuel deu-nos algumas informações sobre a Associação.

Depois mostrou-nos as várias salas. Primeiro vimos uma sala onde estavam fotografias antigas dos bailes, do rancho folclórico e da equipa de futebol.

Alguns meninos encontraram familiares e amigos nas fotos.

No 2º andar visitámos uma sala que tinha instrumentos musicais e fatos de rancho folclórico infantil.

Nesta sala ensaia a banda de rock e nós experimentámos tocar bateria.

Depois vimos a sala de ginástica e, finalmente, fomos à sala onde se aprende a tocar concertina. Entrevistámos o senhor Manuel e ouvimos o senhor Lopes a tocar concertina.

No fim da visita, o senhor Manuel ofereceu-nos uma cassete de folclore e dois emblemas da Associação.

                                                                             

      

Gostámos muito da visita!

Fomos muito bem recebidos.

Deixamos aqui o nosso agradecimento ao senhor Manuel e ao senhor Lopes.

Muito obrigado!!!

        

publicado por turmadapiedade às 20:02
| comentar | favorito

Somos a Turma do 2º C da E.B.1 nº 5 de Belas do Agrupamento Escolas e J.I. Prof.Galopim de Carvalho


pesquisar

 

Março 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

A estrelinha Guga

A baleia sem amigos

Branca de Neve (versão no...

A gibrafante que queria s...

O Natal

Falta uma rena

Os aprendizes do Pai Nata...

A minha ida ao Zoo

O meu avô

A rapariga misteriosa

O albatroz e a gaivota

O dragão

Um mundo engraçado

A armadilha

O cão e o osso

arquivos

Março 2009

Fevereiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

links

blogs SAPO